Erro de Tradução Causa Problemas em Prefeitura Francesa

Hoje vamos compartilhar com você mais um caso em que um simples erro de tradução causou problemas desnecessários. Já contamos neste post sobre o 11 de Setembro, e neste post sobre importantes erros de tradução históricos. Confira agora o erro de tradução que fez uma turista passar a noite trancada em prefeitura francesa.

Erro de Tradução Causa Problemas em Prefeitura Francesa

O caso aconteceu ainda em 2009 em um vilarejo francês chamado Dannemarie, em uma sexta-feira. Uma turista britânica entrou no Hôtel de Ville pensando se tratar de um hotel, com a intenção de fazer uma reserva em um quarto para passar a noite. Entretanto, o termo francês “hôtel de ville” designa a sede do poder municipal. Quando viu o prédio e os dizeres “hôtel de ville”, a britânica entrou e decidiu usar o banheiro do local antes de fazer o check in na recepção.

Enquanto a turista estava no banheiro, os últimos funcionários que se encontravam na prefeitura terminaram uma reunião e saíram do prédio, trancando a porta e deixando a moça de 30 anos de idade sozinha na prefeitura de Dannemarie.

Em uma tentativa de chamar atenção, a mulher acendeu e apagou as luzes do prédio várias vezes, porém sem sucesso. Somente no dia seguinte um pedestre achou uma mensagem afixada na parede de vidro do lado de dentro do edifício. O bilhete dizia: ‘Je suis fermer ici. Est ce possible moi la porte ouvrir?’, algo como ‘Estou trancar aqui. Seria possível eu a porta abrir’?.

Só então a mulher foi retirada do prédio e seguiu com seus afazeres no vilarejo, garantindo que iria procurar um hotel apropriado para dormir na noite seguinte.

Dannemarie é uma pequena cidade de cerca de 2,5 mil habitantes perto das fronteiras com a Alemanha e a Suíça.

E você, conhece casos interessantes envolvendo erros de tradução? Conte nos comentários!

Compartilhe

Av. Contorno, 2786 - Santa Efigênia - Belo Horizonte - Minas Gerais

presidencia@atpminas.com.br