11 de Setembro poderia ter sido evitado por tradução

Já sabemos que a tradução é extremamente importante em várias áreas, inclusive no relacionamento entre países, podendo interferir até mesmo em guerras (como já vimos aqui). Há algumas pessoas, porém, que estão convencidas de que um atraso de tradução poderia ter permitido os ataques de 11 de Setembro.

11 de Setembro poderia ter sido evitado por tradução

Tudo começou quando a al-Qaeda emitiu uma advertência toda escrita em árabe no dia anterior aos ataques, em 10 de Setembro de 2001. Algumas das palavras presentes na advertência eram “Amanhã é zero hora” e “o jogo começa amanhã”. A mensagem chegou a ser interceptada com sucesso no mesmo dia pela inteligência dos Estados Unidos. A tradução, porém, foi feita apenas um dia após os ataques, em 12 de Setembro.

Diante deste erro da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos (NSA), foi realizada uma audiência fechada de oito horas em Capitol Hill, onde o Tenente General das Forças Aéreas e Diretor da ANS, Michael Hayden e o diretor da CIA, George Tenet, se justificaram e alegaram que as informações interceptadas eram vagas demais para que alguma ação pudesse ser tomada.

Muitas pessoas, no entanto, são convencidas de que a tradução imediata da advertência poderia ter salvo a vida de milhares de pessoas naquele fatídico dia.

 

Compartilhe

Av. Contorno, 2786 - Santa Efigênia - Belo Horizonte - Minas Gerais

presidencia@atpminas.com.br